MEU PRIMEIRO SITE | André Buzzo
contato@andrebuzzo.com.br | (11) 9-8551-3500 | facebook | skype:andrebuzzowebdesign

MEU PRIMEIRO SITE

Publicado na categoria Artigos com 6.072 visualizações e 19 comentários

Esse artigo vai para os bem iniciantes no ramo do desenvolvimento web. Ou não.

Quando estive na faculdade de Web Design, uma dúvida recorrente entre nós era “como fazemos para colocar um site no ar?”, e nenhum professor passou isso para a classe.

Meu Primeiro Site - André Buzzo Webdesign

Quando chegamos à conclusão que nosso curso era o básico do básico (assim os professores diziam), pois todos diziam que era necessário nivelar todo conteúdo partindo-se do princípio de que todos eram iniciantes. Dessa maneira, eu acho que pecaram um pouco por não nos passarem como teríamos que proceder para ascender um site ao servidor.

E estive pensando nisso hoje, pois precisei dar coordenadas a um cliente que precisava mudar o site de servidor, pois onde o mesmo hospedava seu sistema estava com problemas.

Mediante isso, e até mesmo para disponibilizar um material na internet, estou aqui, escrevendo esse artigo básico.

Vamos lá então!

1º Passo – O www.registro.br

Meu Primeiro Site - André Buzzo Webdesign

Para iniciar qualquer tipo de trabalho na internet, no que tange o Web Design, devemos ter um ID no site Registro.br.

É o órgão governamental que regulariza todos os sites com terminação .com.br, e dessa maneira, precisamos ter um cadastro nesse sistema.

Para realizar o seu cadastro, você precisa ter em mãos seus documentos ou documentos do seu cliente, de preferência, para que toda e qualquer taxa que necessite de pagamento seja encaminhada diretamente para seu cliente!

Quando criamos nosso usuário e senha, após etapas que não são simples e sim, um pouco complicadas, precisamos declarar nosso ID em alguns campos específicos, que são:

  • Administrativo
  • Cobrança
  • Técnico

E vamos descrever o que cada um faz:

Administrativo

Meu Primeiro Site - André Buzzo Webdesign

É o Administrador do site. Em outras palavras, é onde vai constar que determinado site está em “nome de alguém”. Portanto, sempre que possível, o coloque no ID de seu cliente. Se o mesmo não o possui, crie um ID para ele, e antes de realizar o registro do endereço desejado, você necessariamente terá que entrar com o ID de seu cliente. Por quê?

Pelo simples fato de “isenção de responsabilidades”!

Se você declarar que possui determinado site em seu nome, você poderá responder por todo e qualquer conteúdo que se encontra presente no sistema em questão. Tudo bem, você confia em seu cliente, mas se alguém hackeia o site e posta pornografia infantil, por exemplo, quem responderá por aquele site? O Administrador dele. Então, fique esperto e de um jeito de se precaver sobre qualquer pepino que possa acontecer!

Cobrança

Meu Primeiro Site - André Buzzo Webdesign

O nome já se explica. É para quem será enviado o boleto para pagamento da taxa anual de R$30,00 pagos ao Governo para manter o endereço no ar.

Entenda, e faça-se entender, que o domínio NÃO É SEU! MUITO MENOS DO SEU CLIENTE!

Muitas pessoas dizem que “vão comprar” um domínio, quando na realidade, o mesmo é alugado. Se eu desejar não pagá-lo, após um tempo, esse domínio é disponibilizado para novos interessados. Portanto, diga isso ao seu cliente também! Deixe-o ciente que qualquer pessoa pode adquirir ou melhor, alugar aquele domínio!

Técnico

Meu Primeiro Site - André Buzzo Webdesign

É aqui que nós, Web Designers, entramos na brincadeira!

Seremos nós os responsáveis por fazer o site funcionar corretamente!

Quando nós requisitamos a hospedagem para determinado site, a empresa responsável por esse serviço “separa” uma partição de seus servidores para alocar nosso site, e para tanto, precisa nos fornecer alguns números de identificação, chamado de DNS.

“Os serviços de DNS (Domain Name System – Sistema de Nomes de Domínios) da internet são, em poucas palavras, grandes bancos de dados espalhados em servidores localizados em várias partes mundo. Quando você digita um endereço em seu navegador, como www.andrebuzzo.com, seu computador solicita aos servidores de DNS de seu provedor de internet (ou outros que você tenha especificado) que encontre o endereço IP associado ao referido domínio. Caso estes servidores não tenham esta informação, eles se comunicam com outros que possam ter.”
Fonte: http://www.infowester.com/dns.php
Se você quiser saber mais, acesse o endereço acima e fique por dentro!

Voltando ao nosso artigo, quando a empresa responsável pela hospedagem nos fornece esses DNS, precisamos informar ao registro esses números. E devemos colocá-los em seus respectivos campos, chamados de Master e Slave 1.

Alguns serviços tem um Slave 2, que também precisa ser informado!

Outros, informam além de algo parecido com isso, dns41.nomeDaEmpresaDeHospedagem.com.br, um numéro de IP que também precisa ser declarado ok?

Feito isso, é gerado um boleto que vai diretamente para o ID cadastrado no tópico Cobrança com o valor de R$30,00 para pagamento de 1 ano de aluguel do domínio.

Outros serviços

No próprio site do registro.br, você pode verificar se o domínio que deseja alugar está disponível ou não.

Para tanto, é só digitar, na tela principal, o endereço que deseja. Se o mesmo já estiver locado, ele te apresenta outras opções de domínio. Por exemplo:

Se digitarmos lá: www.andrebuzzo.com.br

Ele nos retornará as seguintes informações:

Meu Primeiro Site - André Buzzo Webdesign

IMPORTANTÍSSIMO

Tenha sempre seu usuário e senha do Registro.br guardado com carinho e cuidado!

Se você perder o seu usuário ou senha, você não consegue se cadastrar novamente, e para conseguir a sua senha (até a última vez que tentei pegar a senha de um cliente, isso me foi apresentado!), eu precisava mandar, via CORREIO:

  • Cópia do Contrato Social da Empresa;
  • Documentos dos donos presentes em tal Contrato;
  • Carta escrita em punho, do responsável pelo Usuário, com assinatura reconhecida em cartório

Só para ter em mãos uma nova senha. Portanto, tome cuidado na hora de realizar o seu cadastro no site. Guarde sempre esses dados, e informe seu cliente da importância disso.

Toda e qualquer mudança de servidores no site, necessita de passagem pelo Registro. Se o cliente não dispuser em mãos desses dados, ele não consegue fazer nada. Absolutamente nada. E o mesmo se aplica a você.

Na próxima parte desse artigo, vou falar um pouco sobre SERVIÇOS DE HOSPEDAGEM!

Até a próxima!

Abraços a todos e fiquem com Deus!

Voltar à página anterior!

  • Douglas Vilanova

    Olá, gostaria de saber uma coisa: Quanto se cobra pelo site?! Mensalidades? Estou com duvida disso, sei fazer o site mas agora na hora de cobrar não sei, Ahhh aprendi muita coisa com o Sr. Sou seu fã, obrigado

    att.
    Douglas Vilanova

    • Fala Douglas!

      Cara…aí varia bastante de região para região meu amigo…

      Abraços!

  • Eduardo Amaral

    Po meu amigo quem me dera ter lido esse post quando criei meu primeiro site srsr teria sido muito importante como to certo que ta sendo pra quem ta iniciando, mto bom msm, Selvaaaaa!!!

  • Michele Pintor

    Olá André, muito bom seu artigo, nele encontrei muitas informações que não consegui em nenhum outro lugar (parece até que os outros web designers já nasceram sabendo disso tudo, rs),
    enviei uma solicitação no Face para receber atualizações suas, gostei muito do site, parabéns.
    abçs

    • Hahahahaha… olá Michele!

      Que isso…. eu apenas acho que as informações realmente são escassas, e quem deveria nos passar de uma maneira mais clara, faz exatamente o oposto!

      Forte abraço e seja bem-vinda! Seu convite no Facebook foi aceito!

      Caso queira ver a segunda parte desse artigo… o link é http://www.andrebuzzo.com.br/meu-primeiro-site-%E2%80%93-hospedagem/!

      Até mais!

  • Guilherme Costa

    bem bacana né! mas então, já estamos divulgando, procurando investidores (não conhece ninguém não? sei lá que possa gostar da ideia), e tambem procuramos estabelecimentos que queira anúncios em destaque (ou seja pagando, assim sendo achado mais fácil em nosso sistema).
    falow abraços

  • Guilherme Costa

    eai andré tudo blz, cara otimo post, realmente algumas coisas vc só aprende sozinho, pois muitas coisas importantes as faculdades e os cursos, não passam !! mas então, da uma olhada no meu 1 site http://ufaencontrei.com.br/ ainda é novo tem apenas uns 2 meses de vida kkk, ainda uma criança kkkkk

    • Fala Guilherme!

      Vi o site cara! Interessante ele meu amigo…agora, é só divulgar!

      Abraços!

  • Cândido

    É Andre!!! O que eu faria sem seus Posts!!!

    • Fala Cândido!!!

      Que isso cara…rsrsrs

      Abraços!

  • CarlosCX

    Bem interessante este artigo tuco!
    Pena , que na minha época não tive bons conteúdos como este na internet , explicando ponto a ponto o modo como é, rs.
    Será de bom HELP para iniciantes.
    Abraços!

    • Concordo contigo meu velho!!

      E confesso que quando cliente me pergunta, ainda, tenho que fazer um certo esforço mental para explicar direito como funciona isso….

      Abraços!

  • Rocha

    muito bom mesmo.. qria muito fazer faculdade de web.. por enquanto to no “caseirão” mesmo rs

    • Fala Rocha!

      Esquenta não!!! Daqui a pouco você começa um estudo mais aprofundado!

      Abraços!

  • Roberto Nicoletti

    Li muito sobre o assunto quando precisei mudar as DNS’s no registro.br para uma nova hospedagem, mas tive que filtrar muitas informações para entender realmente. Este post esclarece de maneira bem clara como registrar o domínio. O mais transparente até agora. Valeu pelas dicas.

    • Fala Roberto!!

      Obrigado pelas palavras meu amigo !! Fico muito contente em saber que as informações foram úteis, e ainda por cima, claras!!

      Abraços!

  • caraca andre muito bom, parabens viu…continue assim